Como diminuir os gases (flatulência)

A flatulência ou um excesso de gases intestinais pode ser encômoda ou até mesmo embarassosa. Suas causas podem ser intolerâncias alimentares, sendo as duas mais comuns a intolerância ao leite e ao glúten. Mesmo não tendo intolerâncias a retirada de alguns alimentos da dieta pode reduzir o problema.

Laticínios: a lactose presente no leite e em seus derivados é uma causa comum de gases. Para os intolerantes que não querem parar de consumir laticínios a enzima lactase pode ser consumida sob a forma de suplementos (marcas comuns: Lactaid e Dairy Ease).

Vegetais: cebolas, repolhos, cenouras, brócolis, couve flor e leguminosas (feijão, ervilha, soja) podem produzir gases.

Frutose: um consumo excessivo de frutas açucaradas como uva passa, bananas, maçãs e seus sucos, assim como o uso do adoçante a base de frutose podem causar gases.

Fibras: importantes para o bom funcionamento do intestino, em excesso ou quando não habituado a uma grande quantidade podem produzir gases e causar má digestão. Não se esqueça que um consumo elevado de fibras deve ser acompanhado por um consumo apropriado de líquidos, especialmente água.

Adoçantes artificiais: utilizados para adoçar chicletes e outros produtos diet podem inclusive causar diarréia. Os mais comuns são sorbitol, manitol, e xilitol.

Alimentos gordurosos: batatas fritas, carnes gordas e molhos a base de óleos ou maionese podem causar gases e diarréia.

Bebidas com gás: refrigerantes e água carbonatada aumentam o conteúdo de gases no estômago.

Diminuindo estes alimentos seu desconforto possivelmente diminuirá.

Adaptado de http://www.mayoclinic.com/

Dra. Andreia Torres é Nutricionista, especialista em nutrição clínica, esportiva e funcional, mestre em nutrição humana, doutora em psicologia clínica e cultura, pós-doutora em saúde coletiva. Também possui formações no Brasil e nos Estados Unidos em Coaching e Yoga. Para contratar clique na aba consultoria no topo da página. Obrigada por visitar este blog.