Dia das crianças: boas razões para cozinhar com seus filhos

IMG_5431.jpg

Crianças são naturalmente curiosas e adoram imitar os pais, inclusive no preparo de alimentos. E cozinhar é como mágica aos olhos da criançada: vários ingredientes são misturados e algo incrível aparece.

Cozinhando as crianças se aventuram mais na alimentação. As crianças podem ajudar na cozinha de diversas formas, aprendendo receitas desafiadoras mas não necessariamente difíceis.

O importante é que a experiência seja alegre e divertida para que a criança tenha boas memórias e também vontade de experimentar coisas novas. 

Envolva os cinco sentidos, deixe as crianças olharem, tocarem, cheirarem, ouvirem e provarem os diferentes ingredientes e preparações. Amassar a massa, enxaguar vegetais, picar alface são atividades que proporcionam experiências sensoriais ricas. Ao cozinhar você também pode praticar um novo vocabulário descrevendo como a comida se parece ou os efeitos da mesma no organismo.

Além disso, a cozinha pode ser uma forma de aprender a contar, a medir, a fracionar ingredientes. Também é uma ótima maneira de demonstrar como os alimentos mudam de sabor, textura e cor quando são cozidos. 

Cozinhar pode fazer parte da cultura familiar. Ao invés de ter a mãe sozinha na cozinha enquanto o pai lê jornal, o filho joga videogame e a filha navega pelo youtube, que tal levar todo mundo para uma atividade conjunta na cozinha? É uma oportunidade de celebrar a família, o convívio e a herança cultural familiar passando as receitas aprendidas para a próxima geração.

Para isso mantenha o espaço de trabalho seguro. As crianças devem ser ensinadas a segurar cada utensílio, devem aprender a proteger as mãos do calor com panos e luvas, devem aprender a ligar e desligar aparelhos com segurança. Uma criança muito pequena não conseguirá cozinhar junto ao fogão mas pode desenvolver habilidades motoras finas enxugando as frutas.

Uma forma de envolver as crianças é perguntando o que gostariam de cozinhar, vocês podem folhear juntos revistas ou livros de culinária, podem assistir vídeos de culinária na televisão ou na internet. Depois peça para as crianças ajudarem a fazer a lista de compras, pensando no que precisarão para o preparo da receita.

Ao longo do tempo a atividade familiar terá contribuído para que as crianças sejam mais receptivas a diferentes tipos de alimentos além de guardarem por toda a vida memórias felizes com a família na cozinha. 

E o melhor: com a prática, ao longo do tempo, as crianças aprenderão a preparar refeições simples, saudáveis e deliciosas.

Mais dicas sobre crianças na cozinha: http://bit.ly/2yc4Int

Deixe seu comentário.

Dra. Andreia Torres é Nutricionista, especialista em nutrição clínica, esportiva e funcional, mestre em nutrição humana, doutora em psicologia clínica e cultura, pós-doutora em saúde coletiva. Também possui formações no Brasil e nos Estados Unidos em Coaching e Yoga. Para contratar clique na aba consultoria no topo da página. Obrigada por visitar esta página!
Tags