Importante: alimentação saudável pode prevenir suicídios

Depressão e suicídio são considerados problemas de saúde pública. O tratamento é multidisciplinar, envolvendo médicos, psicólogos, educadores físicos e nutricionistas. A alimentação tem seu papel importante já que indivíduos deprimidos em geral apresentam-se inflamados, com sensibilidade diminuída à insulina, síndrome metabólica, aumento da homocisteína plasmática e disfunção endotelial.

aumento das citocinas inflamatórias interfere no metabolismo de neurotransmissores e reduz a disponibilidade de alguns precursores como o triptofano. A inflamação também inibe a expressão de fatores neurotróficos. Estudos vem mostrando que a redução do consumo de alimentos inflamatórios (gordura saturada, alimentos processados, frituras, gordura trans, álcool) e o aumento do consumo de alimentos e suplementos antiinflamatórios (peixes, azeite, ômega-3, frutas e verduras) contribui para maior bem estar.

As pesquisas na área ainda estão em progresso pois existem fatores confundidores e ainda não se estudou a relação de nutriente e genética com o risco de depressão (Sanchez-Villegas & Martínez-González, 2013).

Assista também o vídeo:

 

 

Dra. Andreia Torres é Nutricionista, especialista em nutrição clínica, esportiva e funcional, mestre em nutrição humana, doutora em psicologia clínica e cultura, pós-doutora em saúde coletiva. Também possui formações no Brasil e nos Estados Unidos em Coaching e Yoga. Para contratar clique na aba consultoria no topo da página. Obrigada por visitar esta página!
Tags