Arsênico

Nos próximos dias vamos falar da contaminação por metais pesados. Este metais podem aumentar a produção de radicais livres em nosso corpo provocando envelhecimento precoce e aumentando o risco de câncer.

Arsênico = metal tóxico que oferece maior risco à saúde. As fontes de contaminação mais comuns são o frango, os frutos do mar, a exposição à herbicidas, inseticidas e raticidas, antibióticos animais, fumaça de automóveis, giz colorido e madeira tratada com arseniato de cromo ou cobre.

Os sintomas da exposição ao arsênico podem incluir hálito e suor com odor de alho, anemia com leucopenia moderada e eosinofilia, náuseas, vômitos, constipação ou diarréia, lesão do músculo cardíaco, formigamentos, anorexia, cãibras e fraqueza em pernas e pés, hiperpigmentação da pele, queda de cabelo, insuficiência pulmonar.

Evite ambientes poluídos e vegetais com agrotóxicos. Estudos mostram que o frango também é uma importantes fonte de arsênico. Isto acontece porque antibióticos animais muitas vezes contém metais pesados na composição. A dieta saudável é baseada em vegetais. Prefira os orgânicos e, caso consumir muito frango, dê preferência ao caipira.

Dra. Andreia Torres é Nutricionista, especialista em nutrição clínica, esportiva e funcional, mestre em nutrição humana, doutora em psicologia clínica e cultura, pós-doutora em saúde coletiva. Também possui formações no Brasil e nos Estados Unidos em Coaching e Yoga. Para contratar clique na aba consultoria no topo da página. Obrigada por visitar esta página!