Transtornos alimentares entre homens homossexuais

Disfunção ou transtorno alimentar (TA) é um termo amplo usado para designar qualquer padrão de comportamentos alimentares que causam severos prejuízos à saúde de um indivíduo. São considerados doenças e inclui anorexia, bulimia, transtorno da compulsão alimentar periódica, dentre outros.

Estudos mostram que cerca de 15% dos homens homossexuais e bissexuais lutam com alguma forma de transtorno alimentar. Alguns podem sentir-se pressionados a alcançar um físico mais magro e musculoso (Heffernan, 1994Yelland e Tiggemann, 2003; Feldman e Meyer, 2007). Além dos ideais estéticos, outros fatores podem contribuir para o desenvolvimento de transtornos alimentares nesta população:

  • Medo da rejeição;
  • Internalização de mensagens negativas sobre o próprio corpo ou sobre a identidade de gênero;
  • Experiências de violência ou estresse pós-traumático;
  • Discriminação e Bullying;
  • Insegurança física ou emocional;
  • Falta de suporte familiar ou isolamento;
  • Reduzindo conhecimento sobre saúde ou nutrição.

O tratamento dos transtornos alimentares é multidisciplinar envolvendo nutricionista, psicólogo e psiquiatra. Além disso a sociedade pode ajudar de diversas formas:

1) Aumentando a representatividade de homens gays nas diferentes mídias. Eles não são todos musculosos, jovens e brancos. Não memo. Esta é uma representação extremamente restrita, estereotipada, além de irresponsável. O aumento da representatividade e exposição do que é ser gay retira parte da pressão sobre como alguém deve se parecer para ser aceito. Pessoas podem ser atraentes de diferentes maneiras. 

2) Ampliar o debate sobre as doenças mentais. HIV/AIDS não é a única preocupação entre homens homossexuais. Eles sofrem mais preconceito, violência e abusos. Estes fatores aumentam a ansiedade e o risco de depressão, distúrbios de autoimagem e transtornos alimentares. Além disso, ainda há um estigma sobre o tratamento mental. Mas procurar ajuda é fundamental e a busca por terapias apropriadas deveria ser a norma e o normal.

Dra. Andreia Torres é Nutricionista, especialista em nutrição clínica, esportiva e funcional, mestre em nutrição humana, doutora em psicologia clínica e cultura, pós-doutora em saúde coletiva. Também possui formações no Brasil e nos Estados Unidos em Coaching e Yoga. Para contratar clique na aba consultoria no topo da página. Obrigada por visitar esta página!