Ayurveda no tratamento da dor crônica

Você tem dor no pescoço, nas costas ou nos ombros? Sofre de fibromialgia, enxaqueca, artrose ou lesão por esforço repetitivo? A dor crônica é uma condição comum entre adultos. Afeta o humor, perturba o sono, reduz a qualidade de vida. E, apesar dos medicamentos modernos, pesquisa nos Estados Unidos mostrou que 78% dos usuários de antiinflamatórios e analgésicos. 

Alguns hábitos, tensionamento dos músculos, respiração "rasa" ou incompleta, supressão ds emoções, dieta inflamatória, consumo excessivo de cafeína e desidratação agravam a dor. Por isto, o Ayurveda, medicina tradicional da Índia, recomenda a combinação de terapias que incluem exercícios respiratórios, práticas de ásanas (posturas físicas), técnicas de relaxamento e meditação, além da alimentação saudável para o acolhimento da dor.

Uma forma de tirar o foco da dor é por meio do exercício escaneo corporal (baixa aqui). Deite-se no chão e preste atenção à gravação, levando sua atenção a cada parte de seu corpo. Este é um exercício de 40 minutos mas mesmo 10 minutos de relaxamento sistemático em shavásana (postura do cadáver) já mostra-se eficiente na redução de espasmos musculares, tensão e ansiedade.

Na tradição ayurvédica a massagem regular com óleos também é muito recomendada. Massagens aliviam a rigidez articular e muscular, melhora a circulação, mobiliza toxinas e relaxa o corpo.

Outra recomendação é a prática de ásanas, posturas específicas do yoga. O ideal é que os ásanas sejam praticados de forma gentil, para não agravar os sintomas.  Práticas de 15 minutos, pela manhã ou à noite, já fazem muita diferença.  

Estudos mostram que os óleos essenciais de alecrim e tomilho aumentam o fluxo de sangue para os músculos, relaxando-os. Já hortelã reduz a dor. Coloque algumas gotas em um difusor de aromaterapia, na água quente da banheira ou em seu óleo de massagem. Caso, decida utilizar óleos essenciais direto na pele, teste antes em uma pequena área.

A natureza também oferece condimentos com propriedades calmantes e analgésicas. O açafrão e o gengibre ajudam a reduzir a dor inflamatória, enquanto a valeriana, o kava kava, a camomila e o maracujá ajudam a combater a dor relacionada à tensão. E uma vez que a dor crônica é muitas vezes uma combinação de inflamação e tensão, essas ervas são frequentemente combinadas. 

Dra. Andreia Torres é Nutricionista, especialista em nutrição clínica, esportiva e funcional, mestre em nutrição humana, doutora em psicologia clínica e cultura, pós-doutora em saúde coletiva. Também possui formações no Brasil e nos Estados Unidos em Coaching e Yoga. Para contratar clique na aba consultoria no topo da página. Obrigada por visitar esta página!