Açafrão, a estrela da cozinha

O açafrão ou cúrcuma vem sendo largamente estudado por suas propriedades antiinflamatórias, antioxidantes e antitumorais (Mullaicharam & Maheswaran, 2012). Já escrevi sobre a raiz várias vezes aqui no blog e vou deixar os links ao final do post. Hoje quero falar do uso do açafrão no tratamento do lúpus.

Esta doença inflamatória, de causa desconhecida tem natureza autoimune. A dieta pode auxiliar a controlar o quadro inflamatório da doença e à complicações como alterações do perfil lipídico e hiperinsulinemia. Um artigo bem legal sobre o tema foi publicado em português por Klack, Bonfa e Borba Neto (2012). Contudo, os autores deixaram a cúrcuma de fora no texto. Deixo aqui então minha contribuição complementando o assunto.

No lúpus o sistema imune parece atacar o núcleo das células e seu DNA, causando danos a muitos órgãos, como os rins (Borchers et al., 2012). Mulheres parecem ser 9 vezes mais susceptíveis à doença do que homens e a doença costuma aparecer com mais frequência entre os 15 e 44 anos de idade (Askanase, Shum e Mitnick, 2012). 

Existe uma grande necessidade de intervenções que reduzam as complicações da doença e a suplementação oral de curcumina é uma delas. 

A suplementação de açafrão é muito barata, em relação a qualquer medicação, sendo capaz de reduzir a proteinúria, hematúria (perda de sangue na urina), a pressão arterial sanguínea em pacientes com nefrite (Khajehdehi et al., 2012), de acordo com estudo aleatorizado, controlado e duplo cego. Para tudo isso bastou os pacientes utilizarem 1/4 de colher de chá de açafrão em cada refeição, junto à comida, por 3 meses.

E o açafrão pode ser comprado em qualquer supermercado ou feira do Brasil.

+ Saiba mais sobre a cúrcuma:

Melhore a absorção da curcumina

Curcumina no tratamento de pacientes HIV+

Curcumina no tratamento da malária cerebral;

+ Efeitos neuroprotetores da cúrcuma;

+ Cúrcuma do bem;

+ Açafrão no tratamento do câncer e diabetes;

+ Açafrão reduz dores.

Dra. Andreia Torres é Nutricionista, especialista em nutrição clínica, esportiva e funcional, mestre em nutrição humana, doutora em psicologia clínica e cultura, pós-doutora em saúde coletiva. Também possui formações no Brasil e nos Estados Unidos em Coaching e Yoga. Para contratar clique na aba consultoria no topo da página. Obrigada por visitar esta página!
Tags