Comer guloseimas sem engordar

A alimentação saudável sempre será o foco deste site. Muitos posts foram escritos ao longo dos anos acerca dos poderes dos alimentos na prevenção e tratamento de doenças cardiovasculares, câncer, diabetes, resfriados, glaucoma, aterosclerose, osteoporose, dentre outros agravos à saúde. Os links azuis são apenas alguns exemplos. 

As dicas alimentares mais importantes para uma vida saudável são aquelas que todo mundo já conhece: consumir 5 porções de frutas e verduras variadas ao dia, evitar alimentos super industrializados, substituir os cereais refinados pelos integrais, ingerir pouco álcool, açúcar e carnes (principalmente as vermelhas). Estas orientações básicas fazem parte de um conjunto de estratégias saudáveis que incluem também a prática regular de exercícios, a abstenção do tabagismo e o controle do estresse. Fácil, não é? Na verdade a maioria dos meus clientes diria que não, nada fácil. Onde fica o prazer de comer e beber? Bom, isto é tão relativo. Para mim um copo de suco verde e uma fruta rocinha são sempre muito bem-vindos e prazerosos. Mesmo assim, existem dias em que o chocolate é uma companhia calórica e açucarada maravilhosa.

Sim, tenho um fraco por chocolates. Para outras pessoas os desejos são outros. O importante é que alimentos exageradamente cheios de gorduras saturadas, trans, açúcares, sódio e calorias não sejam a parte principal da dieta. Você não precisa de um dia do lixo, como dizem por aí. Pode comer de forma saudável e apreciar suas guloseimas com moderação. É muito importante aliás que preste atenção nos tamanhos das porções. Em geral, alimentos industrializados são muito saborosos, justamente por conterem açúcar, sal e/ou gordura em grandes quantidades. E quanto mais comemos, mais queremos comer. Por isto não saia por aí desesperado de fome. Coma suas castanhas, coma suas frutas, coma sua salada e quando estiver com vontade de comer um chocolate compre um bombom só. Saboreie, curta, cheire, repare na textura. Você não precisa de uma caixa inteira de bombons. Aliás, quando comemos muito nem sentimos o sabor delicioso inicial. Preste atenção e viva o momento.

Quando estiver na lanchonete peça porções pequenas, assim você mata sua vontade sem comprometer seu peso e sua saúde. Volte às porções dos alimentos do passado, muito menores e menos calóricas. Afinal, se hoje estamos mais sedentários, se andamos mais de carro e ônibus, se trabalhamos o dia todo sentados, se pagamos a academia e nem aparecemos não precisamos de comer tanto assim.

Trabalho com consultorias, treinamentos e cursos online. Saiba mais aqui.

Para os que desejam emagrecer sugiro a consultoria ou a combinação dos seguintes cursos: autocoaching com os cursos de reprogramação emocional e alimentação consciente.

Dra. Andreia Torres é Nutricionista, especialista em nutrição clínica, esportiva e funcional, mestre em nutrição humana, doutora em psicologia clínica e cultura, pós-doutora em saúde coletiva. Também possui formações no Brasil e nos Estados Unidos em Coaching e Yoga. Para contratar clique na aba consultoria no topo da página. Obrigada por visitar esta página!