O mito do leite

Muita gente vai falar que você precisa tomar seu leite no café da manhã para ter ossos fortes e prevenir fraturas e osteoporose. Mas já te digo, isto é um mito. Há décadas pesquisas vêm demonstrando que os países em que se toma mais leite são também aqueles em que os idosos tem o maior número de fraturas e, inclusive, maior mortalidade. Na última semana mais dois estudos nesta linha foram publicados no BMJ, um conceituado periódico científico. 

Um grupo de pesquisadores da Nova Zelândia examinaram o impacto do consumo de suplementos de cálcio na prevenção de fraturas. Analisaram as evidências publicadas em estudos observacionais e pesquisas controladas com grupos aleatórios de pacientes. No primeiro estudo, a suplementação de cálcio produziu um aumento da massa óssea insignificante (1%), o que dificilmente preveniria fraturas em idosos. No segundo estudo, o alto consumo de cálcio na dieta não conseguiu prevenir as fraturas.

Leite e queijo vem sendo associados também ao desenvolvimento de câncer (próstata,  endométrio) e diabetes (tipo 1 e tipo 2). Parece que iogurte é excessão.

Nossa pirâmide dos alimentos traz o leite de vaca e seus derivados como importantes componentes para nossa saúde. Mas será? O Brasil é um grande produtor de laticínios e o governo pretende elevar esta produção em 40% nos próximos 10 anos. Leite movimenta a economia, aumenta as exportações e o PIB do país. Ou seja, não é conveniente para o país tirar o leite da pirâmide e substituir por vegetais e suco verde. Mas minha dica é que você não consuma tanto. Aprenda a substituir os laticínios por outros alimentos. Sua saúde vai agradecer.

Está precisando de ajuda? Marque uma sessão de coaching enviando uma mensagem! 

Dra. Andreia Torres é Nutricionista, especialista em nutrição clínica, esportiva e funcional, mestre em nutrição humana, doutora em psicologia clínica e cultura, pós-doutora em saúde coletiva. Também possui formações no Brasil e nos Estados Unidos em Coaching e Yoga. Para contratar clique na aba consultoria no topo da página. Obrigada por visitar esta página!