Calma! Você não está comendo rápido demais?

Isto já aconteceu com você? Você está no trabalho, em frente ao computador, cansado, irritado, com uma tonelada de coisas a fazer. Ao invés de se organizar, o que você faz? Alcança um pacote de biscoitos ou mesmo a marmitinha saudável que trouxe, mas come tudo de forma acelerada, sem prestar atenção, simplesmente enfiando o que estiver por perto na boca. 

Pois é, só que comer desta forma não combate o estresse, não resolve os problemas e ainda pode fazer você acumular mais gordura na região abdominal. A alimentação consciente, faz o contrário. Baseia-se no conceito budista de atenção plena, que envolve estar plenamente consciente do que está acontecendo em seu corpo e mente, assim como ao seu redor. Em outras áreas, técnicas de atenção plena foram propostas como uma forma eficaz para o alívio do estresse, para redução da pressão arterial e da dor. 

Aplicada ao comer, a atenção plena inclui perceber as cores, os cheiros, os sabores e as texturas da comida. Seguem algumas dicas para começar a adotar a alimentação consciente:

  1. Coma apenas quando sentir fome.
  2. Faça as refeições sentado em uma mesa, sem outras distrações (celular, computador, livro...).
  3. Mastigue bem. Coma no ritmo mais lento que puder.
  4. Saboreie cada garfada, demorando-se nela, dando atenção ao aroma e ao sabor.
  5. Retire da mesa o que não for comer. Se estiver em um restaurante peça que o garçom leve para a cozinha a comida que sobrou.
  6. Encha o prato com menos comida do que está acostumado. Cheque a cada nova garfada se ainda está com fome. Você pode utilizar a escala abaixo para classificar sua fome:

Obedeça ao seu nível de fome. Não coma se já estiver satisfeito. E, ao contrário, não deixe de comer caso sinta-se faminto (é o que muita gente faz achando que assim emagrecerá).

Em meu curso online discuto outras estratégias para o comer intuitivo.

Dra. Andreia Torres é Nutricionista, especialista em nutrição clínica, esportiva e funcional, mestre em nutrição humana, doutora em psicologia clínica e cultura, pós-doutora em saúde coletiva. Também possui formações no Brasil e nos Estados Unidos em Coaching e Yoga. Para contratar clique na aba consultoria no topo da página. Obrigada por visitar esta página!