Como reduzir a pressão arterial

O alto consumo de sódio aumenta o risco de desenvolvimento de hipertensão arterial e outras condições cardiovasculares. O alto consumo de bebidas alcoólicas o sedentarismo e a obesidade também são fatores de risco para o aumento da pressão.

A cada 10 kg de peso perdidos a pressão sistólica (PAS) cai em 5 a 20 mmHg. O consumo adequado de frutas e hortaliças (400g/dia) a diminui em 8 a 14 mmHg. Já a diminuição do consumo de sal para 6 gramas ao dia (4 colheres de café rasas) reduz a pressão em mais 2 a 8 mmHg e a prática regular de atividade física tem o poder de diminuir a PAS em 4 a 9 mmHg.

O sal de cozinha é a principal fonte de sódio na dieta. Para reduzir a pressão o ideal é abolir o saleiro e evitar alimentos ricos em sódio como:

- Conservas (ervilha, milho verde, azeitona, picles, chucrute);

- Embutidos (salsicha, linguiça, mortadela, salame, presunto, chouriço, paio);

- Queijos salgados;

- Margarina e manteiga com sal;

- Produtos de panificação (bolachas, pães, tortas);

- Salgados (coxinha, esfiha, empada, risole, pão de queijo etc);

- Produtos industrializados em geral (sopas e temperos prontos, extratos concentrados, glutamato monossódico, shoyu...);

- Adoçantes a base de ciclamato de sódio ou sacarina sódica e produtos diet e light contendo os mesmos ou similares.

Dra. Andreia Torres é Nutricionista, especialista em nutrição clínica, esportiva e funcional, mestre em nutrição humana, doutora em psicologia clínica e cultura, pós-doutora em saúde coletiva. Também possui formações no Brasil e nos Estados Unidos em Coaching e Yoga. Para contratar clique na aba consultoria no topo da página. Obrigada por visitar este blog.