Dieta mediterrânea beneficia pacientes com apnéia do sono

De acordo com pesquisa publica no European Respiratory Journal atividade física combinada com diet mediterrânea pose reducer os sintomas da apnéia do sono. A síndrome causa frequentes pausas respiratórias durante o sono. O problema aumenta de 20 a 40% em indivíduos obesos, por isto faz parte do tratamento o emagrecimento.

No estudo em questão, conduzido na Universidade da Grécia, 40 pacientes obesos e com apnéia form acompanhados por 6 meses. A metade seguiu uma diet mediterrânea e a outré metade uma dieta hipocalórica. A dieta mediterrânea, característica de algumas regiões da Espanha, sul da França, Itália, Grécia e Malta é composta por quantidades liberais de vegetais (frutas, verduras, legumes e frutas secas), pães, cereais integrais, azeite de oliva e vinho tinto. Ambos os grupos foram encorajados a praticar 30 minutes ou maps de caminhadas ao dia.

O número de distúrbios respiratórios diminuiu mais entre os pacientes que seguiram a dieta mediterrânea. Porém, a severidade da doença não cain. Por isto, outros estudos são necessários. Por outdo lado, os pacientes sue seguiram a diet mediterrâneativeram mais facilidade em seguir a dieta hipocalórica. Também tiveram uma redução maior na circunferência abdominal, o que reduz o disco de doenças crônicas, como o diabetes.

Referência: C. Papandreou, S. E. Schiza, I. Bouloukaki, C. M. Hatzis, A. G. Kafatos, N. M. Siafakas, N. E. Tzanakis. Effect of mediterranean diet vs prudent diet combined with physical activity on OSAS: a randomised trialEuropean Respiratory Journal, 2011.

Dra. Andreia Torres é Nutricionista, especialista em nutrição clínica, esportiva e funcional, mestre em nutrição humana, doutora em psicologia clínica e cultura, pós-doutora em saúde coletiva. Também possui formações no Brasil e nos Estados Unidos em Coaching e Yoga. Para contratar clique na aba consultoria no topo da página. Obrigada por visitar esta página!