Papinhas para bebês e toxinas

Estamos diariamente em contato com um grande número de toxinas. Estas podem chegar à nossa corrente sanguínea, sendo extremamente prejudiciais à saúde. Agora, estudos mostram que bebês são alvos fáceis. Os mesmos podem apresentar no organismo alto níveis de produtos finais de glicação avançada, os quais  aumentam o risco de diabetes. Estes podem chegar à corrente sanguínea dos bebês pelo cordão umbilical ou pelo consumo de papinhas industrializadas, com alto conteúdo destas substâncias. Nas mães, o problema é o consumo de alimentos processados em geral, carnes grelhadas, alimentos fritos. Os produtos finais de glicação avançada aumentam a inflamação sistêmica, a qual está relacionada à resistência à insulina e ao diabetes.

Saiba mais sobre o assunto:

J. Uribarri, W. Cai, M. Ramdas, S. Goodman, R. Pyzik, X. Chen, L. Zhu, G. E. Striker, H. Vlassara. Restriction of Advanced Glycation End Products Improves Insulin Resistance in Human Type 2 Diabetes: Potential role of AGER1 and SIRT1Diabetes Care, 2011; 34 (7): 1610.

V. Mericq, C. Piccardo, W. Cai, X. Chen, L. Zhu, G. E. Striker, H. Vlassara, J. Uribarri. Maternally Transmitted and Food-Derived Glycotoxins: A factor preconditioning the young to diabetes?Diabetes Care, 2010; 33 (10): 2232.

Dra. Andreia Torres é Nutricionista, especialista em nutrição clínica, esportiva e funcional, mestre em nutrição humana, doutora em psicologia clínica e cultura, pós-doutora em saúde coletiva. Também possui formações no Brasil e nos Estados Unidos em Coaching e Yoga. Para contratar clique na aba consultoria no topo da página. Obrigada por visitar esta página!