Dieta vegetariana reduz o risco de catarata

De acordo com estudo publicado este mês no The American Journal of Clinical Nutrition indivíduos que consomem mais vegetais possuem menor risco de desenvolverem catarata, doença dos olhos caracterizada pela opacidade parcial ou total do cristalino. No estudo a dieta de 27.670 não diabéticos, com idade superior à 40 anos foram avaliados. Foi observada uma relação forte entre o consumo de vegetais e a prevenção da doença. Indivíduos que consomem muita carne desenvolveram mais catarata do que aqueles que consomem pouca carne. Indivíduos que consomem apenas peixes mas não carne tiveram menor incidência da doença, seguidos dos vegetarianos e veganos. Ou seja, quanto menor é o consumo de carnes e maior é o consumo de vegetais, ricos em fitoquímicos, vitaminas e minerais antioxidantes, maior é a proteção da retina.

A dieta vegetariana pode ser saudável, completa e benéfica para as pessoas, os animais e o meio ambiente. Contudo, muitas pessoas sentem dificuldade na transição da dieta onívora para a dieta vegetariana.

Também possuem muitas dúvidas acerca da combinação dos alimentos e da necessidade de suplementação. Neste curso 100% online o papel dos nutrientes são discutidos, assim como a forma de atingir a recomendação dos mesmos e preservar a saúde. Saiba mais assistindo ao vídeo:

Dra. Andreia Torres é Nutricionista, especialista em nutrição clínica, esportiva e funcional, mestre em nutrição humana, doutora em psicologia clínica e cultura, pós-doutora em saúde coletiva. Também possui formações no Brasil e nos Estados Unidos em Coaching e Yoga. Para contratar clique na aba consultoria no topo da página. Obrigada por visitar este blog.