Novas recomendações de cálcio e vitamina D

IOM publicou as novas recomendações de cálcio e vitamina D no dia 30/11/2010. O órgão levou em consideração quase 1.000 estudos, atualizando as antigas recomendações publicadas em 1997. A suplementação e a fortificação dos alimentos fazem com que as pessoas atinjam as metas diárias mais facilmente. Porém, assim como a deficiência é problemática já que aumenta o risco de osteoporose, osteomalacia e até câncer. Mas o excesso também deve ser evitado. A suplementação de cálcio acima dos valores recomendados, por exemplo, aumenta o risco de litíase (pedras) renal enquanto o excesso de vitamina D pode danificar não só rins mas também o músculo cardíaco. Por isto, na dúvida, consulte sempre o seu nutricionista.

Fonte: http://iom.edu/Reports/2010/Dietary-Reference-Intakes-for-Calcium-and-Vitamin-D/Report-Brief.aspx

Dra. Andreia Torres é Nutricionista, especialista em nutrição clínica, esportiva e funcional, mestre em nutrição humana, doutora em psicologia clínica e cultura, pós-doutora em saúde coletiva. Também possui formações no Brasil e nos Estados Unidos em Coaching e Yoga. Para contratar clique na aba consultoria no topo da página. Obrigada por visitar este blog.
Tags