Suplemento a base de soja é eficiente para reduzir calores na menopausa

De acordo com os ensaios publicados no Journal of Nutrition, suplemento dietético SE5-OH contendo S-equol, desenvolvido a base de soja, pode ser apropriado para mulheres na menopausa.

A soja contém naturalmente a isoflavona daidzeína. Certas bactérias presentes do nosso trato digestório conseguem converter a daidzeína no S-equol

 [7-hydroxy-3-(4'-hydroxyphenyl)-chroman]. Parece que o S-equol se liga a receptores b para estrógenos, suprindo a falta do hormônio na menopausa. Estudos japoneses mostraram maior bem-estar nas mulheres que produziam  S-equol em comparação às que não produziam. A produção de S-equol depende dos tipos de bactérias presentes no intestino. Estima-se que 50% das asiáticas e 20 a 30% das norte-americanas são capazes de produzir o composto. Para aquelas que não podem produzir o composto uma alternativa seriam suplementos de S-equol. Isto seria importante pois alguns estudos mostrando que o mesmo reduz a perda óssea na pós menopausa, reduz a perda de massa magra, diminui a severidade e frequência de calores na menopausa. Enquanto o produto não chega ao mercado e testes sobre sua eficácia, tolerância e efeitos adversos sejam feitos o ideal é cuidar do intestino para que o mesmo tenha todas as bactérias necessárias à produção de S-equol, assim como de vitaminas e ácidos graxos de cadeia curta.

Artigos:

Journal of Nutrition

Dra. Andreia Torres é Nutricionista, especialista em nutrição clínica, esportiva e funcional, mestre em nutrição humana, doutora em psicologia clínica e cultura, pós-doutora em saúde coletiva. Também possui formações no Brasil e nos Estados Unidos em Coaching e Yoga. Para contratar clique na aba consultoria no topo da página. Obrigada por visitar esta página!