Restrição calórica é importante para tratamento da esteatose hepática

Estudo publicado na revista Gastroenterology mostrou que a restrição calórica provoca modificações no fígado e no metabolismo do músculo esquelético. Se a dieta contiver menos carboidratos as melhorias no perfil lipídico do fígado podem ser ainda maiores. Um dos problemas relacionados à obesidade e à resistência à insulina é a esteatose hepática (acúmulo de gordura no fígado). O tratamento é o emagrecimento e a melhoria da qualidade da alimentação. O emagrecimento sempre causa redução do conteúdo de gordura intra-hepático e melhoram a sensibilidade à insulina, porém estudos mais recentes têm demonstrado que no tratamento da esteatose, dietas com menos carboidratos são mais eficientes.

Dra. Andreia Torres é Nutricionista, especialista em nutrição clínica, esportiva e funcional, mestre em nutrição humana, doutora em psicologia clínica e cultura, pós-doutora em saúde coletiva. Também possui formações no Brasil e nos Estados Unidos em Coaching e Yoga. Para contratar clique na aba consultoria no topo da página. Obrigada por visitar esta página!