Depressão aumenta gordura abdominal

Adultos com sintomas depressivos são mais propensos a ganhar gordura abdominal. De acordo com pesquisadores da VU University Medical Center, em Amsterdam, que conduziram o estudo, o estresse crônico e a depressão podem ativar certas áreas do cérebro elevando os níveis do hormônio cortisol, que promove o acúmulo de gordura visceral. Além disso, indivíduos deprimidos podem levar vidas menos saudáveis, incluindo hábitos alimentares inadequados, que interagindo com os fatores fisiológicos promoveria o ganho de gordura abdominal. Isto ajuda a explicar porque a depressão pode ser seguida de diabetes e doenças cardiovasculares.

Referência: Nicole Vogelzangs; Stephen B. Kritchevsky; Aartjan T. F. Beekman; et al. Depressive Symptoms and Change in Abdominal Obesity in Older Persons. Arch Gen Psychiatry, 2008;65(12):1386-1393.

Fonte da imagem: http://static.flickr.com/124/322273323_73ddd391d0.jpg

Dra. Andreia Torres é Nutricionista, especialista em nutrição clínica, esportiva e funcional, mestre em nutrição humana, doutora em psicologia clínica e cultura, pós-doutora em saúde coletiva. Também possui formações no Brasil e nos Estados Unidos em Coaching e Yoga. Para contratar clique na aba consultoria no topo da página. Obrigada por visitar esta página!