Cálcio e magnésio juntos contra o câncer de intestino

O equilíbrio entre nutrientes é fundamental e o baixo ou alto consumo de um interfere na disponibilidade de outros. Estudos vem demonstrando que o consumo de magnésio está associado a um menor risco de câncer coloretal. Porém, mesmo em populações onde o consumo de magnésio é similar as taxas de câncer nestas regiões são diferentes. Por exemplo, americanos tem maior incidência do que asiáticos. Além disso, quando asiáticos migram para os EUA a incidência de câncer coloretal aumenta nos mesmos. Uma das explicações é que o excesso de consumo de cálcio no país prejudica a absorção de magnésio e, por isto, os resultados são contrários aos esperados. Como o cálcio também é um nutriente essencial, inclusive para a prevenção do câncer o importante é que sempre seja observada a razão de cálcio e magnésio em dietas e, principalmente, suplementos. Geralmente, os diferentes pesquisadores falam na proporção 2:1, a mesma encontrada em muitos folhosos verde-escuros, como o da imagem acima.

Está precisando de ajuda? Marque uma sessão de coaching enviando uma mensagem! 

 

Dra. Andreia Torres é Nutricionista, especialista em nutrição clínica, esportiva e funcional, mestre em nutrição humana, doutora em psicologia clínica e cultura, pós-doutora em saúde coletiva. Também possui formações no Brasil e nos Estados Unidos em Coaching e Yoga. Para contratar clique na aba consultoria no topo da página. Obrigada por visitar este blog.
Tags