Orientações alimentares são mais eficientes quando a família toda se compromete

Um estudo da Universidade de Sheffield (Inglaterra), divulgado no dia 21/10/08 mostrou que as políticas públicas no país continuarão a ser ineficiente caso o governo não leve em conta o estilo de vida contemporâneo das famílias. Iniciativas recentes do governo tentaram modificar os hábitos alimentares da população. Porém, apesar de todas as evidências de que a população precisa modificar seus hábitos, as famílias permanecem ambivalentes sobre a questão. Os pesquisadores argumentam que as iniciativas do governo precisam enfocar nas famílias, e não nos indivíduos, se quiserem que o consumo de frutas e verduras aumente. Isto porque grande parte do consumo depende das circunstâncias familiares, suas rotinas e ritmo de vida. 

Para saber mais: http://www.sheffield.ac.uk/familiesandfood/

Dra. Andreia Torres é Nutricionista, especialista em nutrição clínica, esportiva e funcional, mestre em nutrição humana, doutora em psicologia clínica e cultura, pós-doutora em saúde coletiva. Também possui formações no Brasil e nos Estados Unidos em Coaching e Yoga. Para contratar clique na aba consultoria no topo da página. Obrigada por visitar este blog.