Ômega-3 protege o coração

De acordo com estudo publicado on line no Journal of the American College of Cardiology, o consumo de peixes ricos em ômega 3 pode ajudar a explicar os baixos níveis de doenças cardiovasculares nos japoneses.

O número de mortes por doenças cardiovasculares em japoneses é menos da metade da encontrada em americanos. Japoneses estão entre os maiores consumidores de peixe do mundo (cerca de 100gramas/dia).

Americanos tipicamente consomem peixes menos de 2 vezes na semana. Contudo, órgãos governamentais nos EUA não indicam um consumo maior no país, devidos aos altos níveis de contaminação do peixe americano por mercúrio. No Brasil, de acordo com dados da última pesquisa de orçamentos familiares, o consumo de peixes também é baixo. O consumo mínimo para atingir as recomendações de ômega-3 seria de pelo menos 2 vezes por semana. Se você não consegue atingir este consumo, converse com seu nutricionista sobre a possibilidade de suplementação do óleo.

Dra. Andreia Torres é Nutricionista, especialista em nutrição clínica, esportiva e funcional, mestre em nutrição humana, doutora em psicologia clínica e cultura, pós-doutora em saúde coletiva. Também possui formações no Brasil e nos Estados Unidos em Coaching e Yoga. Para contratar clique na aba consultoria no topo da página. Obrigada por visitar esta página!
Tags