Peso está ligado às emoções

Pesquisadores norte-americanos mostraram - mais uma vez - que o peso não está ligado apenas aos hábitos alimentares mas também às emoções. Os resultados do estudo do Dr. Kaveh Ashrafi, do departamento de psicologia e do Centro de Diabetes da Universidade de Califórnia, foram publicados na edição de 04/06/08 da revista científica Cell Metabolism

Níveis aumentados de serotonina causam perda de gordura e níveis diminuídos levam a ganho de gordura corpórea. Quando a serotonina está elevada comemos menos. O segredo é relaxar e comer menos.

As tecnicas de relaxamento são essenciais já que quando estamos estressados produzimos hormônios que prejudicam a saúde dos neurônios. A persistência do estresse altera de tal forma a arquitetura dos circuitos neuronais que chega a modificar a própria anatomia cerebral.

A ansiedade também prejudica a perda de peso pois pode depletar nutrientes importantes para a formação de neurotransmissores do prazer. Escolha bem seus alimentos pois os ricos em nutrientes podem diminuir a ansiedade e a compulsão alimentar. Opte então por alimentos mais coloridos. Varie bastante as frutas e verduras do cardápio, comprando preferencialmente os orgânicos. Alimentos como frutas vermelhas (morango, amora, melancia), brássicas (brócolis, couve-flor, couve) que ajudam na eliminação de toxinas, carboidratos integrais (ricos em minerais), fontes de triptofano (como banana verde e carnes magras), oleaginosas, ômega-3 (como peixes e linhaça), mel e alcachofra (alimentos prebióticos que melhoram a saúde do intestino aumentando a produção de serotonina).

Aproveite também este esforço para mudança de hábitos e inclua atividade física em sua vida. Estes tem o poder de aumentar a liberação de endorfinas (hormônios relacionados ao prazer), porém tenha cuidado já que o excesso de exercício pode exercer efeitos contrários diminuindo os níveis de serotonina.

Curso online: meditação e yoga no tratamento da compulsão alimentar

Para saber mais:

Supriya Srinivasan, Leila Sadegh, Ida C. Elle, Anne G.L. Christensen, Nils J. Faergeman, and Kaveh Ashrafi. Serotonin Regulates C. elegans Fat and Feeding through Independent Molecular Mechanisms. Cell Metabolism, Vol 7, 533-544, 04 June 2008.

Dra. Andreia Torres é Nutricionista, especialista em nutrição clínica, esportiva e funcional, mestre em nutrição humana, doutora em psicologia clínica e cultura, pós-doutora em saúde coletiva. Também possui formações no Brasil e nos Estados Unidos em Coaching e Yoga. Para contratar clique na aba consultoria no topo da página. Obrigada por visitar esta página!