Inspire-se na sabedoria dos bebês e crianças pequenas

A maioria das pessoas não sabe o valor calórico consumido durante o dia e não é raro se surpreenderem após um cálculo simples feito no consultório. O problema é que além dos quilinhos extras ganhos quando se consome mais calorias do que o necessário, muitas dietas são ricas em energia porém pobres em muitos nutrientes o que acaba levando a deficiências que fazem com que a fome aumente. Por isto, muito mais importante do que contar calorias é aprender a comer alimentos nutritivos, ricos em fibras, vitaminas e minerais.

Obviamente, o que nos faz perder peso é o déficit calórico. A cada 3.500 calorias cortadas, 500 gramas são perdidas. Isto significa cortar 500 calorias ao dia para perder 0,5 kg ao final de uma semana. E não tente cortar mais calorias do que estas 500 pois dietas drásticas suprimem a tireóide, glândula responsável por controlar nosso metabolismo.

Os alimentos mais ricos são geralmente os mais naturais, menos industrializados, que por sinal são os menos calóricos procure consumir mais frutas, verduras e legumes. As frutas são ótimas opções para o intervalo entre as refeições. Mesmo que não esteja com fome faça um lanchinho para não chegar faminto em casa na hora do almoço ou jantar. Como o ideal para o emagrecimento é a redução das quantidades de alimentos siga as dicas: se você consome 2 pães pela manhã, diminua para um, se passava um mundo de manteiga reduza a quantidade pela metade, se bebe 3 taças de vinho no final de semana, mude para duas. Uma fatia a menos de pão representa 100 calorias a menos, cortar 1 colher de sopa de manteiga ou margarina também diminuem 100 calorias, a redução de uma taça de vinho representa entre 70 e 200 calorias a menos. Aproveite também esta mudança em seu estilo de vida e aproveite para incluir uma atividade física em sua vida. Uma caminhada de 1,5 km queima mais 100 calorias. Sejam entretanto, persistente e consistente. Não adianta andar um dia e passar outros 7 sem fazer nada. Outra estratégia é parar de comer sempre que se sentir satisfeito. Observe as crianças pequenas: quando não estão com fome não aceitam nada, nem fruta, nem pão, nem bala, nem chocolate!

Meus cursos sobre emagrecimento e alimentação consciente trabalham com práticas de yoga e práticas meditativas que apoiam escolhas alimentares saudáveis. Caso queira atuar nesta área dê uma olhada na formação internacional em práticas alternativas e complementares com ênfase em Yoga, Ayurveda e meditação. Novidade: estágio opcional em Portugal em 2018!

Dra. Andreia Torres é Nutricionista, especialista em nutrição clínica, esportiva e funcional, mestre em nutrição humana, doutora em psicologia clínica e cultura, pós-doutora em saúde coletiva. Também possui formações no Brasil e nos Estados Unidos em Coaching e Yoga. Para contratar clique na aba consultoria no topo da página. Obrigada por visitar esta página!