Castanhas do Brasil - a melhor fonte de selênio

Pesquisadores da Nova Zelândia realizaram um estudo com nossas castanhas do Brasil (conhecidas também como castanhas do Pará) e comprovaram que as mesmas são eficientes para melhorar os níveis de selênio no sangue. O aumento médio nos 59 participantes , que consumiram apenas 2 castanhas ao dia por 12 semanas foi de 64,2%.

O aumento observado na concentração da enzima antioxidante contendo selênio - glutationa peroxidase - variou de 13 a 61% conferindo maior proteção do organismo contra os radicais livres. Os pesquisadores finalizam a pesquisa indicando o consumo de castanhas do Brasil diariamente (Thomson et al., 2008).

Dra. Andreia Torres é Nutricionista, especialista em nutrição clínica, esportiva e funcional, mestre em nutrição humana, doutora em psicologia clínica e cultura, pós-doutora em saúde coletiva. Também possui formações no Brasil e nos Estados Unidos em Coaching e Yoga. Para contratar clique na aba consultoria no topo da página. Obrigada por visitar esta página!
Tags