Matéria de Capa da Veja:

A edição desta semana da revista Veja trás reportagem sobre o excesso de exercícios físicos.

O exercício começa a fazer mal para o corpo quando...

a carga para o corpo fica tão pesada e é repetida com tanta freqüência que há um aumento exagerado dos níveis do hormônio cortisol, responsável pelos sintomas físicos típicos do stress – os mais perigosos deles são o aumento da pressão sanguínea e o enfraquecimento do sistema imunológico;

a serotonina e a endorfina produzidas pelo corpo durante a malhação são as únicas fontes de prazer da pessoa, que, fora isso, vive em constante melancolia – com sono e sem apetite para comida e até para o sexo.

...e começa a atrapalhar a vida quando a pessoa...

abandona atividades que antes lhe davam prazer e compromissos sociais para ganhar mais tempo na academia;

encurta as viagens de passeio para voltar logo ao regime de exercícios;

se irrita com os comentários de que ela malha demais;

desobedece aos médicos e ignora lesões para não sair da forma;

se submete a dietas protéicas radicais e se entope de suplementos;

nunca acha que está na forma física ideal;

considera sedentário o resto da humanidade;

deixa de malhar um único dia e acha que pôs todo o trabalho físico a perder, sentindo-se gorda e fraca.

Para ler a reportagem na íntegra: http://veja.abril.com.br/060208/p_056.shtml

Dra. Andreia Torres é Nutricionista, especialista em nutrição clínica, esportiva e funcional, mestre em nutrição humana, doutora em psicologia clínica e cultura, pós-doutora em saúde coletiva. Também possui formações no Brasil e nos Estados Unidos em Coaching e Yoga. Para contratar clique na aba consultoria no topo da página. Obrigada por visitar esta página!