Muito sal faz mal!

Uma nova pesquisa do FSA inglês (UK's Food Standards Agency) revelou que o britânico mediano continua consumindo muito sal, apesar dos níveis terem diminuído nos últimos anos. Os exames analisaram a urina de 1200 adultos e mostraram que a média de consumo é hoje de 9,0 gramas por dia para mulheres, e de 10,2 gramas por dia, para homens. As recomendações do Chief Medical Officer of England e do Scientific Advisory Committee on Nutrition são de que o consumo não ultrapasse 6g diários.

De acordo com o Consensus Action on Salt and Health (CASH), o consumo excessivo de sal está ligado à hipertensão, que é a principal causa de derrames e ataques cardíacos em todo o mundo. O sal também está ligado à outras doenças como osteoporose, câncer de estômago, asma e obesidade!

Veja algumas formas de reduzir o consumo de sódio na sua dieta:
- Escolho alimentos frescos como frutas e hortaliças in natura;
- Diminua o consumo de alimentos enlatados e congelados;
- Prefira as castanhas sem sal;
- Evite adicionar sal extra à sua comida durante o almoço e o jantar;
- Escolha laticínios, como queijos e iogurtes, pobres em sódio;
- Reduza o consumo de salgadinhos e batatas fritas;
- Faça a sua sopa em casa, já que as industrializadas são riquíssimas em sódio;

Pesquisas inglesas:

Dietary sodium levels surveys - http://www.food.gov.uk/science/dietarysurveys/urinary Consensus Action on Salt and Health (CASH) - http://www.actiononsalt.org.uk/index.htm

Dra. Andreia Torres é Nutricionista, especialista em nutrição clínica, esportiva e funcional, mestre em nutrição humana, doutora em psicologia clínica e cultura, pós-doutora em saúde coletiva. Também possui formações no Brasil e nos Estados Unidos em Coaching e Yoga. Para contratar clique na aba consultoria no topo da página. Obrigada por visitar esta página!